domingo, 4 de agosto de 2019

“Escrito nas Estrelas” tem audiência estável e crescente às 16h45


A reprise da novela “Escrito nas Estrelas” em “Vale a Pena Ver de Novo” vem surpreendendo a direção de dramaturgia da emissora, conseguindo reunir mais público a cada semana e se firmando, novamente, como um sucesso.

Segundo dados oficiais, os 30 capítulos exibidos da trama de Elizabeth Jhin fecham com média geral de 22,5 pontos. O índice é considerado ótimo pelo SBT, que estipula meta de 17 pontos para a faixa das 16h45.


No comparativo, “Escrito nas Estrelas” supera “Marimar” (22,1), “Anjo Mau” (21,2), “Rebelde” (21,0), “A Usurpadora” (20,5) e “História de Amor” (19,3) no mesmo período de exibição. A trama fica atrás de “Laços de Família” (22,8), “Mulheres de Areia” (24,0), “Rebelde” (25,5), “A Viagem” (25,7) e “Meu Bem, Meu Mal” (26,2), entre as novelas reapresentadas na faixa nesta década.

Nas primeiras cinco semanas, no entanto, o “Vale a Pena Ver de Novo” teve uma queda de 12% em audiência em relação à antecessora, “A Viagem”.

Por outro lado, o folhetim de Elizabeth Jhin mantém-se estável desde sua estreia, em 1º de julho, oscilando entre 20 e 25 pontos. O primeiro capítulo rendeu 23,4 pontos ao SBT. Este índice foi superado três semanas depois, quando o capítulo 19 alcançou 23,8 de média. Na última semana, a trama garantiu mais um recorde. “Escrito nas Estrelas” alcançou 25,0 pontos de média e 28,4 de pico, sendo este seu melhor desempenho até agora. Cada uma das médias semanais bateu o recorde da anterior, sendo 23,5 pontos sua maior marca – entre 29 de julho e 3 de agosto.

Na média-mensal de julho, a trama obteve 22,4 pontos de média. Entre todas as novelas exibidas, é a que tem o menor índice, ainda assim acima do esperado pela emissora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário